29/03/11


Sempre pensei que fosses diferente, sabes?
E agora, consigo odiar-te, mais do que te amo. Não sei se é possível, mas neste momento é o que é.
E odeio o que sinto por ti.

(repito, isto é só um desabafo.)

12 comentários:

Anónimo disse...

pf explica-me como puseste a musica no teu blog :(
nao consigo fazer o mesmo no meu :´(
responde para aqui se possivel

sandrinha_gomees@hotmail.com

obrigado, beijinhos :D
sou seguidora assidua do teu blog :)

Mariana, disse...

Barrete -.-

dianacarina disse...

sabes quê ? nunca se odeia mais do que se ama, porque nunca se odeia quem se ama. pensamos sempre que será diferente, que a pessoa é diferente. mas afinal são todos iguais. não digo isto por também gostar dele, digo isto porque sei do que falo e já o passei por experiencia própria. nunca odeies. não é um sentimento bonito acredita.

apesar de tudo, do que falamos na sexta, não te guardo rancor nem nada e se a felicidade dele dependesse de ti acredita que não me importava. se achas que tens chances luta e não desistas.

bruna andresa. disse...

sabes? percebo-te perfeitamente, mas é que te percebo mesmo.. :/

Elsa Silva disse...

e eu? também faço questão em que seja para sempre, és-me tanto, mas tanto :$
( eu sou msm tola por ele :o )
amooo-te maior amiga <3

mmm disse...

e eu adoro o que tu escreves

mmm disse...

e eu adoro o que tu escreves

- Nadine Ramalho disse...

Ser maluca é pouco amor :C
- obrigada por hoje a tarde <3

- Nadine Ramalho disse...

Se fosse agora nao o fazia amor ;C
{tu sabes a que me refiro ;c}

Elsa Silva disse...

ahah, está mesmo lindo amor *-*
baby, sobre aquele texto, sem comentários, está mais que lindo kakaka
amo-te maior <3

Beatriz disse...

adoro, adoro, adoro, adoro e sigo *
http://passadospresentesfuturos.blogspot.com/ - segues? :b

Beatriz disse...

oh (:
obrigada, querida :b